PALAVRAS DE SEDA

Escrever é um ato solitário, é colocar-se em palavras. Palavras são como folhas de plátano soltas ao vento... em direção aos novos horizontes, voando irreverentes sem cordas para serem puxadas e sem lugar determinado para pousarem... sempre a favor do vento.
Assim é o ato da escrita, deixar fluir palavras que, voando devagar, ao caírem, adubarão terras distantes.

















































































































quinta-feira, 9 de junho de 2011

A FELICIDADE SAMBENTISTA

Estive em São Bento do Sapucaí - SP,  revendo os amigos que apoiaram e os que deram depoimentos para o livro A Menina dos Vagalumes

Seu Vítor, que alegria revê-lo!
Este coveiro tem histórias para contar... cheguei até mesmo a pensar que ele era um fantasma. Com esse sorriso sincero, essa alegria gostosa foi desvendando alguns mistérios, coisas de alma de outro mundo... só mesmo um homem bom como este para me fazer voltar muitas vezes ao cemitério municipal de São Bento do Sapucaí. Ainda mais que, aquela subidinha, me deixa sem fôlego... pronta para cair em uma cova! Hehehehehe!


Sr. Luiz e dona ; casal ícone das festas sambentistas.
Me receberam com tanta ternura que fiquei fã deles.


Rosikely, sempre alegre e prestativa. Abriu as portas do arquivo da diocese para que a pesquisa a respeito da vida e obra de Eugênia Sereno ficasse completa. Dessa forma foi possível desvendar os primórdios da cidade de São Bento do Sapucaí.
E, também, Davi Aparecido, deu seu depoimento a respeito do bimbalhar dos sinos sambentistas. Ele é sineiro, ofício sagrado para o povo sambentista.


Ditinho Joana, um artista que tem coração de ouro!
Suas mãos são mágicas, esculpem obras de arte, onde, antes, era uma tora de madeira. São peças que recebem prestígio nacional e internacional pela beleza dos traços. Geralmente o tema central é o povo sambentista em seus afazeres, suas labutas pelo pão do dia a dia.
Ditinho Joana me ensinou que o poder do amor está na humildade de re/conhecer-se em uma genealogia artística e não pedir explicações a este respeito.





Foi um dia maravilhoso, ainda mais que a calçada em frente a casa de Eugênia Sereno está sendo ampliada, ficará belíssima.  A Eugênia merece esse carinho.
Também passei pela casa da dona Julieta, Câmara Municipal, Casa de Cultura e EMEF Ribeiro da Luz. Lugares marcantes.

Para os que gostam de Eugênia Sereno, venham sábado, dia 11 de junho,  até São Bento do Sapucaí-SP, na Casa de Cultura Miguel Reale, onde eu e Sônia Gabriel estaremos autografando o livro A Menina dos Vagalumes. Vai ser às 17h.
Encontro você lá!
Felicidades e a paz!












Rita Elisa Seda
Cronista, poeta, biógrafa, fotógrada e pesquisadora.

2 comentários:

Inajá Martins de Almeida disse...

Rita querida amiga

Que mensagem maravilhosa você pode enviar a todos nós.
Que lugares fascinantes.
Riqueza nas informações.
Gostaria de estar lá, compartilhando esse dia com vocês - 11/06.
Todavia, tenho plena convicção de que nossa nova rota está apenas iniciando.
Felicidade sempre desta amiga tão real, Inajá

Silvinh@ disse...

RITELISA, MINHA QUERIDA AMIGA-IRMÃ!!!
VOCÊ FOI PARA SBSAPUCAÍ, COM UM PROPÓSITO, MAS DEUS LHE RESERVAVA OUTRA COISA.....DEUS É DEUS!!!
ACREDITO QUE TENHA SIDO UM DIA INTENSO, DE MEMÓRIAS, DE RESGATES, DE TROCAS DE IDEIAS, EXPERIÊNCIAS, DE REENCONTRO...TUDO DE BOM!!!
PENA NÃO PODER ESTAR COM VOCÊ, MINHA AMIGA!!!
MAS TENHA CERTEZA, ESTARÁ EM MINHAS ORAÇÕES, EM PENSAMENTOS.........
E TORCENDO PELO SUCESSO DA TARDE DE AUTÓGRAFOS!!!!

BEIJOS, FORTE E CARINHOSO ABRAÇO...

SUA AMIGA-IRMÃ!!!!!

SILVINHA