PALAVRAS DE SEDA

Escrever é um ato solitário, é colocar-se em palavras. Palavras são como folhas de plátano soltas ao vento... em direção aos novos horizontes, voando irreverentes sem cordas para serem puxadas e sem lugar determinado para pousarem... sempre a favor do vento.
Assim é o ato da escrita, deixar fluir palavras que, voando devagar, ao caírem, adubarão terras distantes.

















































































































sábado, 6 de abril de 2013

Lançamento do livro: NHÁ CHICA, MÃE DOS POBRES.





NHÁ CHICA MÃE DOS POBRES


Este livro é o resultado de uma pesquisa a respeito da vida de Francisca de Paula de Jesus – Nhá Chica, alinhavando o processo da escravidão brasileira da época.  Traz a historiografia da vinda dos escravos africanos, com ênfase nos de Benguela, que vieram para trabalhar no sul de Minas Gerais, com o registro  de grandes “aventureiros” como: Auguste Saint Hilaire; Robert Walsh; Johann Baptist von Spix; Carl Friedrich Philipp von Martius; Anthony Knivet e outros.
Com atenção aos que recorriam a Serva de Deus Nhá Chica traçando a verticalização da importância de suas orações e conselhos, tanto para os mais pobres quanto para os mais abastados. 

A Mãe dos Pobres, Nhá Chica, é abordada em totalidade religiosa, distinguida pela “Fé Viva” com que orava a Nossa Senhora da Imaculada Conceição e, através dela, conseguia graças para todos que a procuravam.  No livro estão citados inéditos sobre o cotidiano da Santinha de Baependi, desde sua ajuda para com a reforma da Rua das Cavalhadas; recebendo doações para a capela de Nossa Senhora da Conceição;  um hino composto em homenagem a Imaculada Conceição dedicado a Nhá Chica, festas religiosas na capela  e muito mais. 

Ler Nhá Chica Mãe dos Pobres é conhecer a integridade de Francisca de Paula de Jesus, neta de escrava e filha de ex-escrava  que,  viveu feliz em sua vida casta e piedosa, sem se ingressar em alguma ordem religiosa, deixando-nos o legado de que a verdadeira riqueza está em orar com Fé e praticar a Caridade.

Existem textos especiais de: teólogo, filósofo, sociólogo, padre, museólogo, historiador, sineiro e guardião que, exclusivamente, participam desta obra deixando-a mais rica sócio/culturalmente.
Abordando em vários capítulos a integração que existe entre a vida de São Francisco de Assis e a Serva de Deus Francisca de Paula de Jesus comungando emoções em doses homeopáticas recolhidas e colocadas no livro há cinco meses.  O livro faz com que... de passo em passo... o leitor caminhe pela estrada da humildade religiosa e do regime escravagista.




"A autora prima pela seriedade da pesquisa das fontes, mas também sabe apreciar o jeito simples e cordial mineiro. Por isso merece o nosso aplauso e nossa gratidão. Que seu livro sobre Nhá Chica, Mãe dos Pobres, possa trazer aos leitores o desejo de imitar a nova Bem-aventurada na busca de santidade".
 d. fr. Diamantino P. de Carvalho,   ofm - Bispo da Diocese da Campanha.
(citação do Prefácio do livro Nhá Chica Mãe dos Pobres)

Dom Moacir Silva, Bispo da Diocese de São José dos Campos abençoou o livro! 
Obrigada por tudo!


Markinho Paiva, Sr. Benedito Ovídio e eu, comemorando a finalização do livro "Nhá Chica Mãe dos Pobres". 
(cidade de Baependi, Sul de Minas Gerais)

Convido os que desejam saber um pouco mais a respeito da vida da Mãe dos Pobres: Nhá Chica, a participarem dos lançamentos:
Dia 13 de abril em São José dos Campos - SP.
Dia 28 de abril em Baependi - MG.
Dia 10 de maio em Santa Rita do Sapucaí - MG.





4 comentários:

Silvinh@ disse...

RITELISA, MINHA QUERIDA AMIGA-IRMÃ!!! É BOM DEMAIS PODERMOS TER EM NOSSAS MÃOS, LIVROS RIQUÍSSIMOS, COMO OS SEUS!!! A CADA LIVRO POR VOCÊ ESCRITO, PODEMOS SENTIR UM TOQUE A MAIS...NÃO É SIMPLESMENTE UM LIVRO DE FÁBULAS, POESIA, CONTOS PARÁBOLAS... E SIM UM LIVRO COM CONTEÚDO RIQUÍSSIMO!!! BELO DEMAIS, COM INFORMAÇÕES INÉDITAS, QUE NOS IMPRESSIONA. ALÉM DE PODERMOS SENTIR QUE VOCÊ ESCREVE COM A ALMA, COM O CORAÇÃO, COM O ESPÍRITO, E SOB A LUZ DO ESPÍRITO SANTO DE DEUS, E ISTO FAZ A DIFERENÇA.PARABÉNS MINHA IRMÃ, POR MAIS ESTE TRABALHO, QUE TENHO CERTEZA, SERÁ INSTRUMENTO DE MUITAS GRAÇAS PARA NÓS, SEUS LEITORES!!! BATALHA,

Rita Elisa Seda disse...

Silvinha, que alegria o dia de hoje, Festa da Misericórdia. Domingo santo. Hoje e sempre agradeço a todos que me auxiliaram na pesquisa e no desenvolvimento do livro Nhá Chica Mãe dos Pobres. Obrigada por fazer parte desse grupo. Felicidades e a paz!

Sonya Mello disse...

Rita Elisa, você é como uma "caneta de ouro" nas mãos do Divino, vc não escreve, imprimi, você não relata, declara, você é única e suas obras são a prova desse talento! Parabéns por mais um "filho" gerado! Deus se manifeste cada vez mais em suas obras! Abraços

Silvinh@ disse...

Ritelisa, foi bom demais, assistir este espetáculo, que foi todo o processo de pesquisa, de escrita deste livro, de perto. Sinto privilegiada! Conte sempre comigo...