PALAVRAS DE SEDA

Escrever é um ato solitário, é colocar-se em palavras. Palavras são como folhas de plátano soltas ao vento... em direção aos novos horizontes, voando irreverentes sem cordas para serem puxadas e sem lugar determinado para pousarem... sempre a favor do vento.
Assim é o ato da escrita, deixar fluir palavras que, voando devagar, ao caírem, adubarão terras distantes.

















































































































sábado, 15 de outubro de 2016

DIA DO PROFESSOR


2 comentários:

Silvinh@ disse...

Infelizmente o professor hoje não é respeitado na sala de aula... Está cada dia mais difícil "ser professor"... o professor tem assumido o papel dos pais, também!!!
Os pais para compensarem suas ausências, acabam sedo permissíveis demais. A criança acaba ficando sem limites. E tudo isso reflete ba sala de aula.

Silvinh@ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.